Category: Sem Categoria (page 1 of 2)

Lugares para comer em Salvador – Hamburgueria BRAVO

Toda vez que vou pra SP deixo aqui dicas de novos lugares com ambiente, comida bacana e aí algumas leitoras sugeriram que eu desse sugestões sobre lugares em Salvador também. Achei a ideia maravilhosa e ando registrando as comidinhas pra gente fazer essa troca de experiências aqui. Digo troca porque quero saber também a opinião de vocês sobre os lugares que já foram, e claro que novas sugestões são muito bem-vindas 😉

Como amo hamburguerias e ontem fui na BRAVO, que é uma das minhas preferidas, resolvi começar por ela. Salvador anda com opções fantásticas de hamburguerias!! Inclusive acho o cardápio das daqui mais amplos e criativos do que muitas de São Paulo. Cada vez que vou em uma me surpreendo positivamente com o sabor e mistura de ingredientes. 

Na BRAVO tenho dois queridinhos que são o vegetariano e o que leva o nome do lugar.

O hambúrguer vegetariano vem com 100g de cogumelos orgânicos, queijo brie maçaricado, picles de cebola, tomate grelhado, aspargos, alface americana, folhas de menta e maionese de especiarias no pão de castanha do Pará. Simplesmente sou apaixonada por ele!! Não como várias coisas que vem dentro dele na vida, mas nessa mistura aí fica tudo tão sensacional, que como rezando rsrs… Tem muita gente que torce o nariz pra hambúrguer vegeta, mas esse não perde em nada pra suculência de um normal. Vale demais provar!! Ele custa R$32,00. 

Rolam uns combos também. Hambúrguer vegetariano + refri + batata = R$42,54 , se for cerveja no lugar do refri fica R$44,54 e se for milk shake fica R$56,00.

O que também sou muito apegada é o hambúrguer bravo. Ele vem com burguer bovino (180g), queijo do reino mineiro, cebolas roxas caramelizadas, bacon crocante e maionese artesanal de mostarda em grãos, ervas finas, limão siciliano e mel no pão australiano. Ele custa R$31,00. Os combos dele ficam R$1,00 a menos que os do hambúrguer vegetariano 😉

Gosto muito da crocância da batatinha de lá e a grata surpresa que tive dessa última vez foi o milk shake de blueberry com pistache e mousse de chocolate AMA. Achei a mistura fantástica e indico muito!!

A BRAVO fica em dois endereços. Um menorzinho na Praça Ana Lúcia Magalhães e o mais novo fica em Alphaville, no Shopping Alpha Mall. Sempre que vou nas duas elas estão bem cheias, mas as minhas últimas experiências no da Praça Ana Lúcia foi de pouca espera =) 

p.s. As fotos das comidas eu mesma que tirei do celular e a que mostra o ambiente peguei no bom e velho Google.

Beijão

Clarinha

Filmes Oscar 2017 – Parte 1

Uma das melhores coisas da vida (na minha opinião) é ver um bom filme. Com a cerimônia do Oscar se aproximando, me animei para assistir alguns indicados pela academia. Um filme que é fantástico para alguém pode ser horrível para outro, mas como eu sou daquelas que gosta de ouvir opiniões, resolvi compartilhar  a minha com vocês. 

A minha prioridade foi ver o tão comentado “La la land – Cantado estações”, que mesmo antes de ficar em cartaz eu já estava curiosa. O filme simplesmente está batendo recordes de indicações, concorrendo em 14 categorias, incluindo melhor filme, melhor ator (Ryan Gosling) , melhor atriz (Emma Stone) e melhor diretor (Damien Chazelle). Na história do Oscar só “Titanic” em 1997 e “A malvada” em 1950 concorreram nessa quantidade de categorias.

 Ele já me ganha por ser um musical e a vontade que me deu logo na primeira cena foi levantar e começar a dançar (tão bom seria se a vida fosse um musical). A história por si só já toca o coração por falar de sonhos e das dificuldades, obstáculos, crenças e descrenças que a caminhada para eles geram. O enredo se passa em  Los Angeles, palco perfeito para dois aspirantes a artistas, ela atriz e ele pianista de jazz. Mia se desdobra para tentar manter o emprego em uma cafeteria enquanto faz inúmeros testes. Apesar de talentosa, ela sempre acaba se dando mal. Sebastian é apaixonado por jazz e continua acreditando no poder dele mesmo com a falta de prestígio do ritmo. Rola um lindo romance entre os dois e uma relação linda de um estimular o outro quando vem a vontade de desistir.

Achei o filme bem bom, mas confesso que em um certo momento senti que faltou um pouco de ritmo, que é o que nos mantem presos naquele mundo. Justamente por começar de uma forma fantástica, quando geralmente os filmes começam meio mornos, naquela de situar o telespectador nos personagens, esperava um filme inteiro muito envolvente. Achei que em um certo momento faltava alguma coisa e essa foi a opinião também da minha irmã que viu comigo o filme. De forma geral gostei bastante!! O filme empolga, emociona e deixa o nosso lado sonhador mais vivo.

 

“Lion – Uma jornada para casa” é outro concorrente a melhor filme e foi uma belíssima surpresa pra mim! Tinha visto o trailer e confesso que não tinha me empolgado tanto. Só que me apaixonei pelo personagem principal na fase criança e me impressionei com a narrativa, ainda mais por saber que é uma história real e de muita superação.  Senti as dores do personagem principal Saroo que com apenas 5 anos se perdeu do irmão em uma estação de trem na cidade em que morava na Índia. Ele foi parar muito longe de casa, passou por inúmeras situações inimagináveis para uma criança até chegar em um orfanato que também não era um ambiente bacana. Após procuras sem sucesso  da assistente social (única realmente preocupada) pela família dele (por ser tão pequeno ele não sabia dizer o nome real da cidade dele, nem o nome da mãe), Saroo foi adotado por uma maravilhosa família australiana. Quando entra na faculdade, o passado volta à tona e com ele as angustias de não ter notícias dos seus familiares. Depois de muitas noites em claro, ele encontra no Google Earth o local onde morava e vai em busca desse reencontro. 

Me emocionei muito com a história, quase morro de amor pelo ator mirim que interpretou Saroo e gostei muito da atuação de Dev Patel, que faz Saroo adulto. Nicole Kidman também deu um show no papel da mãe australiana. Eles concorrem ao Oscar como melhor ator coadjuvante  e melhor atriz coadjuvante. Indico muito!!

  “Até o último homem” é também uma história real de um homem que escolhe servir ao exército na Segunda Guerra Mundial, mas se recusa a pegar em armas. Desmond T. Doss passa por poucas e boas para conseguir ir como médico para a Batalha de Okinawa e só conseguiu o respeito dos colegas de guerra, quando mostrou a sua força e coragem para salvar vidas, colocando a dele em risco e sem ter uma arma sequer para se defender. Ele conseguiu salvar mais de 75 homens e foi condecorado pelo Presidente dos EUA por esse feito.

O longa tem uma pitada de romance que traz uma graça para um filme que pra mim foi bem pesado pela quantidade de cenas de guerra. Fui nesse com minha mãe e irmã e ficamos aflitas em várias cenas de puro sangue, ainda mais por sabermos que aquilo foi algo real. A história merece realmente ser contada, o ator principal Andrew Garfield teve uma atuação de respeito real porque o personagem exigiu muito fisicamente. Tanto que ele foi indicado como melhor ator e o filme teve indicação também como melhor filme, Mel Gibson como melhor diretor e também concorrem como melhor edição.

E vocês, estão ligados nos filmes indicados ao Oscar também? Me contem se viram algum desses, o que acharam e se indicam algum massa pra mim 😉

Beijão

Clarinha

 

Reflexão sobre 2016

Já pararam pra pensar como foi o ano de 2016 pra vocês? No final do ano é tanta correria, que a gente não para quieta para refletir o que aconteceu na nossa vida, o que foi ruim e o que de ruim foi responsabilidade nossa e somente nossa. 2016 foi um ano complicado pra muita gente, parte pela crise financeira e política do país e pelas tragédias humanas ocorridas no mundo. Me pego toda hora incrédula com as coisas que andam acontecendo por aí. É tanta falta de amor ao próximo, tanto ódio, tantos desastres… Mas acho muito importante a reflexão crítica do que estamos fazendo para o mundo ser melhor. Desde um ‘bom dia’ para o próximo (só eu que fico direto no vácuo de um ‘bom dia’?) até ajudar efetivamente alguém que precisa, seja lá do que for. Além do financeiro tem MUITA gente com problemas emocionais graves. Esses dias conversava com duas amigas sobre isso. Como tem gente que cai em uma depressão tão profunda, que chega a tentar ou a se matar mesmo e deixa as pessoas ao redor em choque. Não julgo porque não sei se algumas pessoas conseguem em meio a tanta confusão na mente, ser introspectivas e não demonstrarem que estão doentes. Mas fico imaginando se todos olhássemos mais para o próximo será  que haveriam tantas pessoas sem enxergar o valor da vida?

E a nossa vida amorosa, profissional, pessoal como anda? Acredito muito que Deus tem um caminho pra cada um, mas brinco sempre com meus amigos e família que Deus não pode dar conta de tudo sozinho. O cara é incrível, mas ele quer que a gente faça a nossa parte e não que confiemos apenas nele, no universo e no destino. A maioria das coisas que acontecem na nossa vida é de responsabilidade nossa. Não estou dizendo que devemos nos culpar pelo não aumento de salário, nem pelo amor da vida não encontrado, mas acho sim que nos escondemos em inúmeras desculpas para não ver que só com mudanças que chegamos lá. Não dá pra ficar no mesmo caminho, nas mesmas atitudes que estão nos levando a grandes falhas!! Mudar para evoluir!!

Temos a mania de achar que a grama do vizinho sempre é mais verde do que a nossa, mas saibam que todos tem problemas! Não caiam na ilusão de achar que só a sua vida está com obstáculos grandes, massss não se esqueça também que a grama que realmente está mais verde, deve ter sido bem cuidada nesse ano que passou. O bom e velho merecimento!

O meu 2016 foi um ano que estou preferindo chamar de diferente, do que de difícil. Escolhi outra vertente profissional que não o jornalismo de TV ‘tradicional’, que na verdade nunca foi o meu grande sonho. Ninguém entendeu nada e nem eu acreditei que disse não a uma vaga de emprego em uma emissora de TV. Em Abril tinha acabado de começar o blog, voltado de uma viagem maravilhosa de SP, que fiz um curso muito bom, realizei a grande vontade de conhecer o Lollapalooza e acabei sofrendo um acidente de carro aqui. Ele acabou paralisando por um tempo os meus sonhos e me deixando com uns problemas de coluna que até hoje me prejudicam. Jamais imaginaria esse problema para o meu ano. Na verdade, esse ano que passou parecia ser o meu grande ano, mas em nenhum momento me desesperei pelas decepções. Prefiro acreditar que esse foi um ano de aprendizado e que agora tenho um novo ciclo para botar a menina sonhadora no modo ativado e fazer por onde para merecer um ano de realizações.

Por sinal nunca tinha me dado conta da importância do merecimento. Aprendi com o meu namorado, que quando as coisas dão errado nem sempre é azar, na maioria das vezes é porque ainda não merecemos aquilo. Esse ano então eu vou em busca do meu MERECIMENTO, de batalhar para conquistar os meus sonhos. Vamos nessa então, fazer desse ano especial?

Muito obrigada por me acompanharem!! Guardo cada feedback seja pessoalmente, por e-mail, comentário aqui, no insta, inbox, mensagem no face e até uma simples curtida na foto com muito carinho! Espero fazer um conteúdo cada vez melhor e conto com a ajuda de vocês para isso! Estou com várias coisas em mente para esse ano e acho que vocês vão gostar bastante.

Seguindo em frente sempre!

Muitos beijos

Clarinha

Oscar Freire – cantinhos para tirar fotos

blog_mariaclaralauton_oscar_freire_sp_0010

A Oscar Freire é um dos vários lugares bacanas para conhecer e tirar fotos em São Paulo. Para quem não sabe, lá é uma rua que reúne marcas incríveis, tanto nacionais como internacionais. Geralmente essas lojas fazem um espaço conceito, ou seja, uma loja diferenciada das que eles têm em outros bairros e cidades. Se fala em luxo, quando se fala em Oscar Freire, mas lá ficam  também as lojas conceitos de marcas acessíveis, como a Riachuelo e a Forever 21. Independente de disponibilidade financeira para fazer compras é uma rua que vale muito conhecer. Toda a região, na verdade, tem várias coisas bacanas como nas ruas Hadock Lobo, Augusta e Lorena.

Não vou fazer um guia de lojas, pois ficaria um post gigante. Resolvi então reunir indicações de 3 lugares com cantinhos lindos para tirar fotos, já que toda vez que postava de lá recebia direct de alguém perguntando exatamente onde era aquele local. Primeira dica é que vale a pena ir para a rua com uma roupa confortável para andar pra lá e pra cá, bonita para tirar fotos e quem gosta de moda deve ir com os olhos bem atentos. Com certeza você terá boas inspirações por lá 😉

– Galeria Melissa:

A galeria Melissa da Oscar Freire é uma parada obrigatória! Eles reúnem moda, arte e design dentro e fora dela. A fachada é o grande barato da galeria pois de tempos em tempos, ganha uma cara nova. Fui em SP em março com uma fachada e dessa vez em Outubro era outra completamente diferente.
blog_mariaclaralauton_oscar_freire_sp_0013 blog_mariaclaralauton_oscar_freire_sp_0016 blog_mariaclaralauton_oscar_freire_sp_0018blog_mariaclaralauton_oscar_freire_sp_0005

-Pracinha Oscar Freire

Esse foi um dos lugares que mais me perguntaram onde fica. A Pracinha Oscar Freire fica ao lado da loja 284. Ela é a ‘rampa’ de acesso a um estacionamento e foi criada com o objetivo de gerar um espaço propício para receber programações culturais como shows, oficinas e workshops. O espaço é puro amor e rende fotos lindas!

blog_mariaclaralauton_oscar_freire_sp_0027blog_mariaclaralauton_oscar_freire_sp_0032blog_mariaclaralauton_oscar_freire_sp_0040 blog_mariaclaralauton_oscar_freire_sp_0043 blog_mariaclaralauton_oscar_freire_sp_0049 blog_mariaclaralauton_oscar_freire_sp_0052 blog_mariaclaralauton_oscar_freire_sp_0056 blog_mariaclaralauton_oscar_freire_sp_0075

– Iódice e Shutz:

A fachada dessas duas lojas, que são vizinhas, é também uma excelente parada. É na Iódice que atualmente tem a pintura da Frida e quando fui em março tinham as famosas asas.
blog_mariaclaralauton_oscar_freire_sp_0087 blog_mariaclaralauton_oscar_freire_sp_0094

Parede da Iódice em Março:

blog-maria-clara-lauton-oscar-freire-174

A shutz da Oscar Freire também capricha na fachada e essa pintura linda é fixa em uma parede que fica ao lado da loja:

blog_mariaclaralauton_oscar_freire_sp_0097 blog_mariaclaralauton_oscar_freire_sp_0095

Quando fui em Março a fachada da Shutz estava assim:

blog-maria-clara-lauton-oscar-freire-330 blog-maria-clara-lauton-oscar-freire-406

São esses os 3 pontos bacanas para fazer fotos na Oscar Freire e o melhor é que eles ficam próximos 😉 

Beijão 

Clarinha

Airbnb

airbnbTive a minha primeira experiência com o Airbnb nessa minha ida à São Paulo e compartilhei um pouquinho até no stories do instagram. Acabei tendo um feedback de muitas pessoas que não conheciam o site, então achei que aqui seria a melhor forma de explicar melhor como funciona.

O Airbnb é uma plataforma de hospedagens não tradicional, onde você pode apenas procurar hospedagens ao redor do mundo ou também hospedar pessoas na sua casa. Existe a opção de alugar um apartamento inteiro, um quarto privativo ou até coletivo. Isso vai depender da experiência que você quer ter, do seu perfil de viajante mesmo e quanto pode gastar. O mais bacana de tudo é a sensação de estar vivendo de fato naquela cidade e no meu caso que fiquei 1 mês, me achava A local mesmo rsrs

Você pode usar diversos filtros de busca para achar a sua hospedagem perfeita. Buscar por região, quantidade de pessoas que irão se hospedar, se quer um estúdio, ap completo, quarto privativo… ele vai te direcionar para as hospedagens que tem o seu perfil. Ao entrar nos perfis você vai poder ver fotos do local, tudo o que está disponível na acomodação (ex: cama de casal, secador, TV…), ver as avaliações de outras pessoas que se hospedaram nesse lugar e se comunicar com o anfitrião para sanar todas as suas dúvidas. Os anfitriões costumam responder muito rápido! É até uma política do site.

airbnb-2

Pra mim o ponto chave para uma boa hospedagem é olhar as avaliações dos outros hóspedes. Eles escrevem os pontos positivos e negativos da hospedagem, sendo tudo bem real porque o perfil é verificado (não rola fazer fakes e tal) e o anfitrião não pode apagar comentários negativos. Então essa é a oportunidade de checar os elogios e críticas para as coisas que são importantes pra você. Eu só pegaria um local com muitos comentários e comentários positivos (claro!), então indo por essa linha tem pouca chance de cair em uma furada.

airbnb-3

A minha experiência foi bem positiva e olhe que alterei a minha reserva algumas vezes pois inicialmente não ficaria 1 mês. Fui inventando de fazer mais um curso, mais outro e aí tive que alterar. Diante de alguns probleminhas, eles até me deram cupom de desconto para usar na hospedagem e foram bem solícitos comigo nas vezes que precisei resolver algo. Fora que geralmente se economiza legal reservando hospedagem pelo Airbnb e eles ainda dividem o valor.

O Airbnb está presente em 191 países e é considerado um site seguro, já que ele verifica os perfis dos anfitriões e hóspedes. Só que eu já ouvi falar de duas coisas negativas do site. Uma é que a imigração dos EUA pega no pé de quem apresenta a hospedagem desse site, já que ficam com receio das pessoas estarem indo para ficar de forma ilegal. E já ouvi uma história de uma pessoa que viajou para fora do país, pegou um ap completo e na volta pra casa teve a sensação que alguém entrou no apartamento, mas não sentiu falta de nada. Então, antes de fechar a hospedagem olhe muito bem as avaliações, pegue um anfitrião que já esteja há um tempo no site, tenha tido vários hóspedes satisfeitos. E não esqueça de pesquisar sobre o país que você vai, a emigração como funciona, antes de fechar com o Airbnb.

Ah, quando você indica um amigo e ele viaja pela primeira vez pelo Airbnb, você ganha um bônus de R$85,00 😉

Tentei resumir bastante, mas qualquer dúvida podem mandar mensagem!

Super beijo

Clarinha

12 formas diferentes de usar camisa

1-1

Ta aí uma coisa que todo mundo precisa ter na vida: uma camisa. Ela é peça chave para o armário do trabalho e te digo que vai muito além disso. É possível criar infinitas opções com uma camisa usando truques fáceis de styling. O meu objetivo aqui hoje não é mostrar formas de combiná-la com calça, saia, etc e sim mostrar como ela não se restringe a ser usada apenas por fora ou por dentro da roupa. Não mesmo!! Essa é uma peça versátil, estilosa e atemporal. 

1)  Meio ombro a ombro:

Há quem ache a camisa uma peça séria e fechada. Eii, pessoa que acha isso! Veja que fresh que fica a camisa usada mais aberta e puxada para os ombros. Charme absoluto e zero cara de trabalho!!

meio-ombro-a-ombro

2) Total ombro a ombro:

Se tem uma tendência que está com tudo há um tempo é a do ombro a ombro. Ela exibe uma das partes mais femininas das mulheres, que é o colo, deixando um ar bem verão. Então pra quâ usar ‘meio ombro a ombro’ se podemos colocar o ombro todo a vista, não é mesmo?! rsrs… 

total-ombro-a-ombro

3) Usada ao contrário:

Vamos começar a pirar um pouco mais e usar a camisa ao contrário? Essa é uma das tendências mais vistas no street style internacional. As gringas amam e arrasam por aí saindo do comum.

 as-costas-na-frente

4) Usada ao contrário e aberta na parte de cima:

Amo as variáveis da camisa usada ao contrário!! Essa abertinha em cima fica um escândalo e se quiser inovar ainda mais, jogue um colarzinho bem charmoso nas costas 😉

para-tras-aberta-em-cima

5) Ao contrário e com nózinho:

Nada a declarar! Apenas muitos suspiros rsrs..

para-tras-com-nozinho

6) Ao contrário e aberta em baixo

Fica um decote lindo e despretensioso!

para-tras-aberta-em-baixo

7) Usado como saia:

Abotoe a camisa nas pernas e amarre as mangas na frente. Escolha uma camisa mais larguinha para ficar mais fácil de ajeitar no corpo.

como-saia

8) Um lado da barra para dentro e outro para fora:

Uso esse truque de styling há uns bons anos porque realmente acho que um pequeno detalhe muda tudo. Traz mais atitude para a produção a deixa de lado a obviedade da peça. Percebam que no exemplo da foto a menina ousou mais e deixou a gola mais altinha, dando um ar bagunçadinho, que ficou bem bacana no contexto geral da produção. Um look que poderia ser comum com o combo camisa + blazer, ficou diferente. 

camisa-metade-para-dentro

9) Um ombro só:

Você pode usar como a Chiara Ferragni usou, vestindo uma das mangas e amarrando a outra atras ou vestir normal, deixar os botões de cima abertos e um dos ombros à vista. O truque de styling de deixar uma das barras da camisa pra fora funciona muito bem aqui também.

um-ombro-so um-ombro-so-2

 10) Camisa toda aberta com nozinho na ponta:

Jeito simples, fácil e que já traz outro ar para a peça. Uma ótima forma de iniciar o uso da camisa de forma diferente.

aberta-com-nozinho-na-ponta

 11) Gola fechada e parte de baixo aberta

Seriedade em cima e ousadia em baixo. Combo perfeito esse né!? 

gola-fechada-e-parte-de-baixo-aberta

12) Ombro a ombro com nózinho

ombro-a-ombro-com-nozinho

Fechando com um look inspirador para o nosso verão que vem por aí! 

Vamos sair da caixinha e aproveitar ao máximo as peças que temos!! 

Me digam o que acharam das sugestões! beijão

Clarinha

Look kimono floral

blog_maria_clara_lauton_beco_do_batman_sp_0043

Sei que nosso verão já está na porta, mas SP ainda rende conteúdos por aqui rsrs.. Então, enquanto eu preparo novos posts pra gente, vou postar mais um look que fiz por lá. Ele é totalmente usável no verão, basta tirar a meia calça que fica tudo lindo!! 

Sou uma viciada em usar terceira peça e sou a ‘loka’ do kimono também. Eles estão em alta já tem um bom tempo e geralmente são feitos com tecidos mais finos, o que facilita a vida dessa pessoa que mora no calor da Bahia, mas não abre mão da tal terceira peça. Fora essa estampa floralzinha, que é bem alegre né?! 

 

blog_maria_clara_lauton_beco_do_batman_sp_0011 blog_maria_clara_lauton_beco_do_batman_sp_0004 blog_maria_clara_lauton_beco_do_batman_sp_0008

Fiz um mix básico de estampa, colocando o floral com um cropped de listras nadador que veste lindamente. Só eu acho esse tipo de corte bem feminino? Acho que valoriza tanto a mulher! 

blog_maria_clara_lauton_beco_do_batman_sp_0014 blog_maria_clara_lauton_beco_do_batman_sp_0015 blog_maria_clara_lauton_beco_do_batman_sp_0023 blog_maria_clara_lauton_beco_do_batman_sp_0024

Para fechar a produção, uma saia jeans com os bolsinhos na frente, que é puro amor, meia calça porque ninguém merece passar frio  nos cambitos e essa bota que vai com tudo! 

blog_maria_clara_lauton_beco_do_batman_sp_0001 blog_maria_clara_lauton_beco_do_batman_sp_0005 blog_maria_clara_lauton_beco_do_batman_sp_0009 blog_maria_clara_lauton_beco_do_batman_sp_0027 blog_maria_clara_lauton_beco_do_batman_sp_0034 blog_maria_clara_lauton_beco_do_batman_sp_0037 blog_maria_clara_lauton_beco_do_batman_sp_0039 blog_maria_clara_lauton_beco_do_batman_sp_0040blog_maria_clara_lauton_beco_do_batman_sp_0042

Cropped, kimono e saia: Forever 21 | Bota: Arezzo |  Bolsa: Zara 

E vocês, já estão no clima do verão? Animam um post com dicas de como ficar estilosa na praia? 

Beijão 

Clarinha

Lugares para comer em São Paulo

Se tem uma coisa que SP arrasa demais é na gastronomia né gente?! Fico chocada com a quantidade de restaurantes incríveis que tem naquela cidade, tanto com relação a comida como o ambiente também. Fora que tem vários que funcionam de madrugada, coisa que não acho de jeito nenhum aqui em Salvador. Fome na madrugada aqui é igual a Drive do McDonald´s no máaaximo!

Prometi e vou cumprir agora a listinha de alguns lugares que fui e desde já tenho no meu bloquinho de notas o nome de outros tantos que quero ir em SP porque sou dessas rsrs.. Por sinal, se alguém tiver lugares para indicar, por favor se manifestar (Obrigada! De nada!).

– Vapiano

O vapiano é uma rede alemã de comidas italianas, que fica no Itaim Bibi. O de SP é o que tem a maior cozinha dos Vapianos do mundo. Lá o cliente recebe um cartão e ele mesmo vai até o balcão fazer o seu pedido. No final é só apresentá-lo no caixa e pagar. O ambiente lá é bem grande e tem uma área externa bem gostosinha, que foi onde comi com minha mãe e aproveitamos o solzinho que estava fazendo.

img_1231

No cardápio tem risotto, massa, pizza, salada… a minha escolha e da minha mãe foram o ‘Gamberetti e spinaci com linguine’ – camarões e pesto de manjericão caseiro, refinado com creme de leite fresco, parmesão tipo grana, finalizado com folhas frescas de espinafre e o ‘Gamberetti com campanelle’ – camarões fritos, cebolinha e tomates cereja frescos em molho de tomate caseiro. Adoramos os pratos e achamos o ambiente bem agradável! Cada prato custou em torno de R$44,00.

– La Guapa

Fui ao La Guapa a convite de uma amiga querida (Bubi) para botarmos o papo em dia numa brecha do trabalho dela. Lá é uma cantina, na verdade, especializada em empanadas artesanais e a dona é a Paola Carosella, do Master Chef. Fiquei apaixonada pela empanada ‘portenãs’, que é com 3 queijos, tomates assados e manjericão fresco. Sério! Comeria todos os dias da vida rsrs.. Custa R$7,50 a unidade e tem a opção ‘Menu Guapa’, que vem com duas empanadas e uma salada fresca por R$27,00. E as sobremesas o que dizer? Puro amor!! O ‘tabletón’ é uma sobremesa bem famosa da chef, que eu achei sensacional! É uma porção de alfajor gigante de doce de leite argentino e cacau amargo com chantilly de cachaça e fava de baunilha. Custa R$14,00.

Levei pra casa o Alfajor e sem palvras! Maravilhoso demais! Trouxe para minha irmã e meus pais, nem preciso dizer que eles piraram rsrs… Custa R$8,00 a unidade. Vale muito a ida pela comida. O ambiente é uma cantina fofa, mas bem pequena. 

– KOF – King of the Fork

O KOF fica no delicioso bairro de Pinheiros e eu fui lá unicamente pela fama dos cookies deles, que são conhecidos por muitos como ‘os melhores do mundo’. Assim, o melhor melhor do mundo eu não achei não, mas cada um tem um paladar e eu gostei nível normal deles rsrs.. Eu não estava com fome (incrivelmente rsrs..), então isso pode ter influenciado, mas pretendo voltar lá para comer de novo e provar outras coisas do cardápio também. Dizem que o waflle deles é mara!

img_1737

O ambiente é uma graça, a cara dos ciclistas, mas mesmo quem não é se sente em casa lá. O espaço interno é pequeno, mas tem também uma área externa na frente com um mesão mara para dias sem chuva.

– Burger Joint

A Burger Joint é uma filial da famosa hamburgueria nova-iorquina. Fica na Rua Bela Cintra em um ambiente bem descolado, com rabiscos para todos os lados. Não vá esperando uma lista cheia de opções de sanduíches! Lá só tem basicamente 3 opções: apenas hambúrguer, a carne e o queijo ou uma mais completa com bacon, molhos, alface e foi essa que eu e minha mãe pedimos. Achei bem gostoso, assim como a batata e milk-shake, que é feito com sorvete Ben & Jerry’s. Para quem gosta desse tipo de informação, um dos sócios é o Bruno Gagliasso 😉

– Eataly

Gosto muito do Eataly e contei aqui pra vocês, que me apaixonei pelo ‘Ravioli di salumi e verdure al pomodoro’ de lá. Então arrastei logo minha mãe para comer esse prato deli comigo rsrs.. Ela amou também e gordinhas que somos, fomos atrás de um crepe de nutella, que tem lá dentro e sem palavras!! Que coisa mais deliciosa!! Para quem não ama tanto chocolate, pode achar meio enjoado. Dividir é uma ótima opção se você já tiver jantado ou almoçado. No espaço da nutella, que tem lá dentro, existem outras opções além do crepe, como croissant com nutella.

fullsizerender

Voltei no Eataly outro dia com duas meninas queridas do Rio que conheci no curso (Thay e Dan, que vão lançar o blog delas em breve) e resolvemos provar a pizza de lá, que é bem famosinha. O estilo da pizza é mais italiana mesmo. Não é tão suculenta como as do Brasil, mas achei gostosa. A minha foi com parma, que é um ingrediente que amo, mas a porção individual pra mim ficou grande demais. Talvez se fosse um sabor mais neutro daria numa boa, mas o parma é um ingrediente bem salgado. Tanto que depois de não comer a pizza toda eu fui comer crepe de nutella, então falta de barriga não foi rsrs..

 img_1909

– Feirinha perto do MASP

AMO churros e rodando pela Paulista fiquei hipnotizada por uns churros ultra suculentos, que estavam nas mãos de várias pessoas rsrs.. Perto do MASP tem uma feirinha dia de domingo, que rola um som bem legal e várias comidinhas gostosas. Aquele clima de feirinha ♡ Os churros são muito gostosos e você pode fazer várias combinações de sabores. O meu foi doce de leite e paçoca. Estava deli demais!! R$10,00 muito bem aplicados rsrs..

 Arrasada que não achei mais a foto =( até postei no snap do insta no dia, mas devo ter deletado do celular.

– Paris 6

Existe jantar mais clássico do que Paris 6? rsrs.. Minha mãe não conhecia lá e no dia que ela chegou queríamos ir em um lugar mais próximo de casa. Pedimos o ‘Risotto quatre fromages aux crevettes’ (nome fino eim rsrs), que traduzindo é um risoto ao creme de camarão aos quatro queijos e o artista que ficou com o nome do prato foi César Filho. Achamos o prato bem gostoso e bem grande para uma pessoa comer sozinha. Pelo menos no jantar sim e se você for como eu, que faz questão da sobremesa rsrs…

fullsizerender-2fullsizerender-1

Já que era dia de clássicos, pedimos o Grand Gateau, ‘Paloma Bernardi’ que traduzindo é um bolo de chocolate com calda, picolé e morangos. Quem nunca foi lá acho bacana ir pra conhecer.

 

– Calçadão Urbanoide: Food Trucks 

O Calçadão Urbanoide reúne vários food trucks lá na Augusta, em um ambiente bem descontraído e bacana para ir com amigos. Tem várias opções de comidas como hambúrguer, waffle, churros, crepe, sanduíches mais naturebas… eu comi um hambúrguer, que não lembro exatamente o que vinha, mas era com pão australiano e shimeji. Achei bem gostoso e como de sobremesa um waffle com nutella e morango, que estava demais!! É uma ótima programação pro domingo e dá pra ir a pé e curtir a Paulista fechada só para pedestres 😉 Foi isso que eu e minhas amigas Leti, Pati e Tai fizemos. Foi tão gostoso reencontrá-las! Fizemos intercâmbio juntas para Sevilla e elas moram em Campinas, daí conseguimos matar um pouco a saudade.

  img_1516

– Meats

O ambiente de lá me ganhou desde a primeira olhada. Tinha acabado de comer, passei na frente do Meats e fiquei in love pelo lugar. Fiz até fotos para o blog lá, com o lugar sem funcionar para clientes (sim! eles deixaram ♡ ), mas fiquei na vontade de provar a comida. Fui lá depois e comi o ‘Eat meats, Mario!’ – pão de mandioquinha, hambúrguer, disco de parmesão crocante e (segundo eles) o melhor molho de tomate da vida. Achei deli e tem várias opções ousadas no cardápio, mas como meu paladar é bem infantil, fui nessa opção. Paguei R$32,00 nele e R$18,00 no cheesecake, que só faltou ser de doce de leite para ficar perfeito rsrs..

 

Lembrete de lugares que fui e já falei aqui:

Para não repetir vou deixar só o lembrete desses 3 lugares que amei.

  • Padoca do Maní (falei dele no Diário 1 de SP)img_2436 img_2437
  • Restaurante e Café do Mirante 9 de Julho (também no diário 1)img_0766-577x1024
  • Bacio di latte (sorveteria que fui 1029228 vezes rsrs.. e falei dela aqui no blog em Março quando fui pra SP fazer outros cursos). Peçam o sorvete de pistache, doce de leite e o giandujotto. Essa mistura fica surreal!!

Chega fiquei com fome agora rsrs.. Espero que gostem das dicas e vamos trocar sugestões de SP,

Salvador e qualquer outra cidade que tenha opções que valem a pena anotar.

Beijão

Clarinha

Look Moletom

blog_maria_clara_lauton_lavanderia_sp_0003 blog_maria_clara_lauton_lavanderia_sp_0010

Sabe quando você bate o olho em um lugar e pensa ‘eu tenho que ir nele’? Fiquei in love pelo ambiente dessa lavanderia, que na real funciona como várias outras coisas também. Amo lugares que ousam e trazem uma proposta diferente das que estou acostumada. Não vou falar mais porque vai rolar um vídeo com essa dica, então deixa eu focar no look. Se é que isso é possível nesse ambiente rsrs…

blog_maria_clara_lauton_lavanderia_sp_0012 blog_maria_clara_lauton_lavanderia_sp_0020 blog_maria_clara_lauton_lavanderia_sp_0011

Na real ele saiu bem por acaso mesmo, não tinha montado a produção para fotografar, mas acabou rolando. Amo essas armações maiores para óculos de grau e essa carinha nerd que vem com eles rsrs… O moletom do mickey foi um xodó que achei na Renner. Eu já estava querendo algo de desenho animado, mas nada tinha me pego pelo coração ainda. Esse casaco é a cara de um que a minha best de colégio usava ( Marizinha) então pegou de jeito mesmo! A diferença é que o dela era gigante e aí brinco que foi ela lançou a moda oversized rsrs..

blog_maria_clara_lauton_lavanderia_sp_0021

Acho sempre bem vindo ter um moletom de guerra e esse traz uma temática divertida, veste bem com saia, calça, short… só não com o calor de Salvador, mas o ar condicionado está aí pra ajudar né rsrs.. Como eu estava nos dias de friozinho em SP, usei com uma calça rasgadinha no joelho para trazer um ar mais descolado e um tênis creeper conforto puro, que me acompanhou muito bem nessa viagem toda.

blog_maria_clara_lauton_lavanderia_sp_0006 blog_maria_clara_lauton_lavanderia_sp_0008blog_maria_clara_lauton_lavanderia_sp_0026 blog_maria_clara_lauton_lavanderia_sp_0028

Para a bolsa apostei em uma clutch, que uso até para casamentos. Sou dessas que gosta de misturar e não tenho essa de ‘essa roupa é para noite’, ‘essa é para trabalho’… isso comigo não existe. Gosto de aproveitar as peças ao máximo e usar em todos os ambientes possíveis, tendo bom senso (claro!!).

blog_maria_clara_lauton_lavanderia_sp_0023 blog_maria_clara_lauton_lavanderia_sp_0027 blog_maria_clara_lauton_lavanderia_sp_0030blog_maria_clara_lauton_lavanderia_sp_0007

Hoje sou garota Renner porque só o tênis que não é de lá e o óculos rsrs…

Beijão

Clarinha

Diário de São Paulo – 3

img_1456

Falei no diário anterior que tenho muitas coisas acumuladas para colocar nesse espaço, principalmente da semana que minha mãe veio para cá, então decidi fazer depois um post separado só com dicas de onde comer aqui em SP, que ta!?

vermelho

Vamos então para uma dica de uma peça incrível que fui com minha mãe. ‘Vermelho’ com Antônio Fagundes e o filho dele Bruno Fagundes. Essa peça entrou em cartaz pela primeira vez há uns 3 anos atrás, mas nesse meio tempo eles tiveram outros trabalhos e agora retornaram com ela no teatro Tuca. Antônio Fagundes interpreta o pintor Mark Rothko, que recebe um novo assistente (interpretado por Bruno) no seu ateliê em NY. Os dois tem grandes embates por conta da personalidade de cada um e diferença de idade. Isso traz grandes ensinamentos para ambos e diversas reflexões para o público. O mais bacana é que no final do espetáculo os dois atores voltam para um bate-papo com a platéia, contando como foi o processo de montagem da peça, além de abrir para perguntas. Saímos de lá com a alma cheia! Indico muito!!

O final de semana com minha mãe foi o meu último livre. A partir da semana passada fiquei bem focada nos cursos e tive experiências incríveis. Durante a semana iniciei um curso de Branding na Belas Artes e também fui no evento Fio da Meada. O evento foi com Mônica (musa) Salgado e Kadu Dantas. Foi bem bacana pois o tema foi um assunto bem atual, que eu amo: “Como as redes sociais mudaram a moda e como você pode fazer disso um negócio”.

img_1431

Com Mônica Salgado e duas colegas queridíssimas do curso de Branding (Nati e Ju)

img_1434

Kadu Dantas outro querido!

img_1338

Tive dois dias intensos de workshop na sexta e no sábado com André Carvalhal, ex marketing da Farm, hoje está com um projeto maravilhoso chamado MALHA e ele realmente é um profissional inspirador!! Cabeça borbulhando de conhecimento e ainda tem mais por aí rsrs…

img_1486

Turma bacanérrima de MKT de Moda

No domingo tive uma folguinha nos estudos e encontrei com 3 amigas queridíssimas, presentes do meu intercâmbio. Primeiro fomos na Liberdade dar uma conferida na famosa feirinha de lá, depois fomos para a Augusta.

Lá na Augusta conhecemos o Espaço Fábrica Augusta, que integra moda, gastronomia, design, música, fotografia, arte em geral. Várias marcas bacanas com produtos customizados expõem lá e o ambiente é um charme.

img_1509

Ficamos no Calçadão Urbanoide, um espaço bem interessante, que reúne food trucks. Vou falar mais dele no post de comidas, mas segue uma foto para vocês pirarem comigo rsrs..

img_1516

Para finalizar viemos para a Av. Paulista, que é onde eu estou ficando em Sampa, e  que no domingo fica fechada para carros. É uma delícia ficar circulando por ela, com artistas mostrando o seu talento, uma galera andando de bike, skate, correndo e muitas comidinhas também, que ninguém é de ferro rsrs..  Vou sentir tanta saudade!!

Em breve tem mais!! Tanta coisa pra contar pra vocês. ta difícil organizar esse negócio viu gente rsrs… mas aos poucos vai saindo!

Beijão

Clarinha

Older posts

© 2017 Maria Clara Lauton

Theme by Anders NorenUp ↑